sábado, 19 de novembro de 2016

A rapariga no Comboio | read one book a week #1

Olá :)

Hoje venho escrever sobre um livro que li e também o primeiro post sobre o tema: Read one book a week, que é isso mesmo, um livro por semana que irei ler e dar a minha opinião sincera e desastrosa sobre o mesmo. Alguns são novidade enquanto outros são aqueles livros que todos temos guardados em um canto e sabe-se lá porquê nunca os lemos. Para contrariar isso tenho este objectivo pessoal de um livro por semana e venho com algum atraso neste post pois ausentei-me um tempinho, na verdade já peguei no segundo livro e este que aqui hoje falo li em apenas uma noite.

É verdade! Eu li este livro numa noite e fazia muitos anos que não me acontecia algo assim, simplesmente não consegui parar de ler e o resultado foi uma directa em cima, olhos de mocho e muito, muitooooo café!

Mas valeu a pena, quem ainda não leu recomendo ler pois é um daqueles thrillers que só sabemos realmente o desfecho quase no final do livro sendo toda a leitura um amontoar de pistas contraditórias que nos deixam a roer as unhas!

Gostei bastante deste livro de Paula Hawkins e fiquei super curiosa para ver o filme, normalmente prefiro ler primeiro o livro e caso exista o filme vejo depois.
Foi um presente de aniversário do meu irmão em conjunto com a namorada porque já sabem que adoro ler e um livro é sempre uma prenda bem vinda.

Não gosto de ser spoiler portanto vou apenas dar umas 'luzes' do que li, espero que gostem e fiquem com vontade de o ler.

No fundo este livro conta com quatro personagens principais, sendo que uma se encontra presente muito mais que os restantes como se tudo girasse à volta dela mas se não existirem os outros não tinha piadinha nenhuma, chama-se Rachel.
Rachel faz o mesmo percurso de comboio todos os dias e observa o que se passa ao seu redor de maneira bastante interessante, fantasia e cria histórias para que essas travessias se tornem mais agradáveis, a sua vida está virada do avesso pois passou por um divórcio e por consequência ficou bastante depressiva andando de mãos dadas com um problema com a bebida, que já vinha de antes desse mesmo divórcio.
Toda a trama é narrada na primeira pessoa, vamos lendo o livro e quase parece um diário com tudo descrito e todas essas quatros pessoas tem a sua parte narrativa, lemos os pensamentos de cada um conseguindo assim entender a história ou algumas vezes nos escapar o que realmente aconteceu.

Tudo se altera quando Rachel se vê numa situação em que a História que criou para duas das personagens desmorona (um casal que Rachel via nas suas viagens e que nada sabia acerca deles) isso cria em Rachel uma ruptura emocional fazendo com que ela decida fazer algo, qualquer coisa.

É um descarrilar de emoções, o ex-marido de Rachel e sua nova mulher, mulher essa que demonstra um comportamento isento de remorsos por ter sido a amante e agora ser a típica mulher de casa a cuidar da filha e sem fazer nenhum pois é o homem que trabalha, é o crime existente que só por si só já é motivo para uma nova personagem ( mas não tão nova assim, é apenas uma das pessoas que Rachel observava e cuja vida fantasiou) a Megan.
Que desaparece e mais tarde com as típicas chuvas Londrinas vem ao de cima como cadáver mudando novamente todo um conjunto de conspirações, sendo a Megan a única pessoa que mesmo tendo o seu papel na primeira pessoa vem datado com diferença de um ano quando comparado a Rachel e os demais.

Desenrola-se todo um drama emocional e psicológico em volta deles, sendo a Rachel a mais intrometida com base em mentiras e muitas bebidas. Devo dizer que umas das partes que não gostei deste livro foi o diálogo fútil quando se tratava de falar sobre a Rachel, várias personagens opinam durante todo o livro sobre a forma física de Rachel, chamando-a de gorda e diversos outros comentários como se realmente fosse o mais importante sobre uma pessoa tirando o facto de ser alcoólica e depressiva.

É um livro capaz de nos fazer suster a respiração, tem o tamanho certo e pode-se ler numa noite ihih

Não posso dizer muito mais para que fiquem curiosos o suficiente a ponto de o ler :)

kisses


2 comentários:

  1. Leste numa noite ?! AI JASUS ME VALHA !!!!! agora quero mesmo mesmo comprá lo ! :D

    Beijinhos ♡ O Olhar da Marina

    ResponderEliminar
  2. este livro está na minha lista de leitura à montes de tempo. mas nao tenho tido tempo par ao ler. mas ha ouvi dizer que é mesmo muito muito bom :)

    adorei o teu blog, nao conhecia! mas hey, ja estou a seguir! :)
    dá um saltinho no meu e segue-me também, se quiseres claro ^^

    beijinho
    the-not-so-girlygirl.blogpsot.com

    ResponderEliminar